TUTORIAIS PARA USAR PARTICIPAR DESTE BLOG

17 de setembro de 2016

DOMINGOS MONTAGNER - O QUE SUA MORTE NOS DIZ






Não sou de ver novela quase... Não sou fã desse Ator... Mas o texto que foi escrito, nos faz refletir e muito.
______________________________________

"Assim silenciosa e apressadamente as águas do "velho Chico" levaram o artista!
E eu fico pensando no quanto a morte sempre quer ensinar algo.
"A morte precisa ter uma utilidade", dizia Gandhi.
Chocar um país, tirar o chão, mostrar que ela é assim. Vem sem explicar, algumas vezes, sem chance de despedidas, sem deixar as coisas em ordem.
A morte nos convida à vida!
Pode parecer insano. Mas é a maior verdade que temos diante do nariz, porém, viramos o pescoço para não enxergar!
Eu caminho ao lado dela! A morte está ao meu lado. 
Ela me ensina sobre a fragilidade humana.
Convida-me sempre a deixar a carga mais leve, achar graça de tudo, não acumular nada! 
Sou turista, de passagem por esta linda paisagem terrena...O rio da integração nacional chamou para si o artista e a atenção da nação! 
Deixou-nos um recado bem claro... Em segundos, nossos sonhos, contratos, ambições, podem ser levados pela correnteza!
Vivamos muito, de preferência com alegria e paz, só por agora!
Pode ser que não haja depois!"


Lindo Texto Cristiane Framartino Bezerra.

21 de agosto de 2016

MATRIX - BEM VINDO AO DESERTO REAL




Olhar para Matrix é olhar para a nossa mente. Ela está programada para nos dar todas as respostas (mesmo erradas), com uma capacidade gigantesca de criação e autopreservação. Ao mesmo tempo que realiza os nossos desejos, escraviza-nos a eles.

O mundo moderno é fruto da Matrix, tudo a nossa volta nasceu dela (da mente ou Matrix, como preferir), desde a bateria de seu relógio de pulso à nossa língua, à moral, à filosofia e à ciência.

Não vemos o mundo como ele é, mas sim como os nossos sentidos o captam. Uma rosa vermelha é todas as cores, menos o vermelho. Ela absorve as outras cores e reflete o vermelho.

Além disso, tudo o que é captado pelos sentidos é interpretado pela programação do cérebro. Este programa foi criado, de um lado, pela seleção evolutiva natural a todas as espécies e, de outro, por nossas próprias criações. Programas gerando programas, dando origem ao que chamamos de sociedade.

Ao olharmos à nossa volta, veremos um reflexo de nós mesmos, de nossos sonhos e pesadelos materializados, produzidos na Matrix e tornados "reais". Esta realidade virtual é onde vivemos com nossas leis, normas, nossos sinais e tantos outros elementos artificiais criadas pela Matrix.

Este gigantesco Software de gerenciamento é alimentado por cada microprograma, ou seja, nós. Quando "crio algo", insiro um novo programa na Matrix; se esse programa lhe for útil ele é agregado. Um bom exemplo são produtos e marcas que existem há décadas.Mas se eu sou um revolucionário, um terrorista, e crio uma idéia contrária à Matrix(o status quo), sou um vírus. Naturalmente os mecanismos de defesa dela serão lançados contra mim: O antivírus.

Podemos pensar em uma pessoa como Giordano Bruno, que, no século XIV, já acreditava em outros mundos e em vida em outros planetas e punha em xeque todas as concepções da Igreja (concepções oficiais), sendo, desta forma, condenado à morte ou, se preferirmos, deletado.

Fonte:*Livro: Matrix-BemVindo ao Deserto do Real *Autor: William Irwin *Editora:Madras

CARL PANZRAM (1891 - 1930)

Carl Panzram (1891-1930)
“Eu quero ser enforcado e não quero nenhuma interferência sua ou de tipos como você. Eu sei tudo sobre o mundo e sobre a natureza diabólica do homem, e não quero bancar o hipócrita. Estou orgulhoso de ter matado alguns e arrependo-me de não ter matado mais.”


MATRIX - BEM VINDO AO DESERTO REAL


Toda vez que vejo os três filmes Matrix e esta cena ocorre, penso que Smith tem razão. Penso também que não sou humana, porque cometer atos humanitários não deveria chamar-se atos humanitários...

O próprio nome se refere a unicidade h-UM-Anos, ser único, egoísta, que se preocupa com seu próprio umbigo. Só sabe fazer a suposta da bosta da caridade se fizer propaganda de si mesmo e para tal, usa a internet.

A BOSTA DA AUTO PROMOÇÃO DO EGO para ser aceito na SOCIEDADE e tudo isso porque quer agradar a todos.
Pode reparar que quem mais fala de cristianismo, são os que mais pisam nos outros como se tivesse a merda de algum privilégio 'divino' e com esse comportamento leve de esquizofrenia, sentem-se no direito de subjugar a todos.

Ahhhhh! O falso amor cristão. kkkkkkkk


Viva a hipocrisia, as pessoas cheias de vaidade que falam em evolução sem enxergar em si mesmas os lixos que são.


kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


Eu não quero ser aceita, nem ser desprezada... Aliás essas duas coisas passam batidas, porque a opinião alheia NUNCA FOI E NUNCA SERÁ IMPORTANTE PRA MIM.


Será que sou assim porque tenho muita facilidade em conhecer gente nova quase todo o santo dia?


Bem, nem quero saber.
A raça humana é cheia de querer condenar as atitudes alheias quando essas são incompreendidas, afinal o saber é limitado e quem tem a sensação de QUE SABE TUDO é um tremendo idiota.



VERDADES DURAS


NÃO SE ENGANE MEU CHAPA...


Um dia seu braço se cansará de tanto segurar essa máscara patética e você estará desprevenido para suportar as verdades sobre si mesmo.


~Orion

18 de agosto de 2016

SEGURANÇA PRIVADA - A REALIDADE

Este vídeo, vai para você que adora humilhar os seguranças nos bancos e nas baladas, dizendo que eles estão ali sem serventia nenhuma, que só atrapalham a sua vida.

Este vídeo também é dedicado aos EMPREGADORES, que também em grande parte, ADORAM HUMILHAR E DESMERECER NOSSO TRABALHO.
Há os que não nos dão a mínima condição de trabalho e chega a ser puro machismo quando se trata do sexo feminino... Nem rádio nos dão e somos obrigadas a agir, mesmo quando se trata de ter que entrar em ação quando o sujeio e/ou os sujeitos são homens.

FICA A DICA.

video


Fim...

15 de agosto de 2016

APOCALIPSE DE ZUMBIS

O que é vida?
O que é ter uma vida?

Creio que deva ser muito mais que dormir, comer, copular, se divertir, trabalhar, estudar, ser sociável e lidar com as pessoas e suas diferenças.

Tem que haver algo mais.

Há pessoas se perguntando isso e para que esse vazio não seja um ato de consumo do Ser as válvulas de escape são a fé cega e o consumismo.

Cegos somos porque a grande massa prefere fugir para não temer o desconhecido e o que está tão óbvil, a um palmo do nariz quase...

Não, a vida não pode ser somente essas coisas.

Deve haver outro sentido.

Mas prevejo que esse 'outro sentido', quando encontrado jogará o indivíduo na solidão porque talvez poucos conseguem ir até o final da 'toca do coelho' e eis a questão:

- Melhor caçar pokemon nas ruas ou saber a verdade?


.




2 de junho de 2016

POR BENJAMIN FRANKLIN

Escreve as ofensas na areia e os benefícios no mármore.

Benjamin Franklin


O MELHOR


NA CRISE ATUAL - ainda vejo pessoas vomitando fartura, revivendo passado dos bons tempos que se tinha mais dinheiro, contando papo e eu fingindo não saber que se bobear a pessoa está pior do que eu... Não há outro assunto e isso é falta de leitura.
Dizem que ler é coisa de vagabundo, mas ficar em REDES SOCIAIS olhando a vida dos outros pra fazer queda de braço e fofocas que é coisa de gente que passou a vida toda tampando o sol com a peneira, nunca fez algo de bom ao seu próximo e se fez joga na cara, conta pra todo mundo pra se passar pela pessoa fodona do século XXI.
São coisas do ego, coisas que quando faltar saúde ou na hora da morte irão pesar.
LER desata os nós cegos da ignorância de forma gradativa e te ensina o EU SOU, não o EU TENHO ou EU TINHA.
Na crise atual, estamos TODOS no mesmo barco e caiu de moda ficar contado vantagens.


De papo furado estou farta, porque nunca vejo atitudes.
É isso!

30 de maio de 2016

TABACARIA” – FERNANDO PESSOA




“Não sou nada.
Nunca serei nada.
Não posso querer ser nada
À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo.

Estou hoje vencido, como se soubesse a verdade.
Estou hoje lúcido, como se estivesse para morrer,

Falhei em tudo.
Como não fiz propósito nenhum, talvez tudo fosse nada.

Que sei eu do que serei, eu que não sei o que sou?
Ser o que penso? Mas penso tanta coisa!
E há tantos que pensam ser a mesma coisa que não pode haver tantos!
Génio? Neste momento
Cem mil cérebros se concebem em sonho génios como eu,
E a história não marcará, quem sabe?, nem um,

O mundo é para quem nasce para o conquistar
E não para quem sonha que pode conquistá-lo, ainda que tenha razão.
Tenho sonhado mais que o que Napoleão fez.
Tenho apertado ao peito hipotético mais humanidades do que Cristo,
Tenho feito filosofias em segredo que nenhum Kant escreveu.
Mas sou, e talvez serei sempre, o da mansarda,
Ainda que não more nela;
Serei sempre o que não nasceu para isso;
Serei sempre só o que tinha qualidades;
Serei sempre o que esperou que lhe abrissem a porta ao pé de uma parede sem porta,
E cantou a cantiga do Infinito numa capoeira,
E ouviu a voz de Deus num poço tapado.
Crer em mim? Não, nem em nada.

Vivi, estudei, amei e até cri,
E hoje não há mendigo que eu não inveje só por não ser eu.

Fiz de mim o que não soube
E o que podia fazer de mim não o fiz.
O dominó que vesti era errado.
Conheceram-me logo por quem não era e não desmenti, e perdi-me.
Quando quis tirar a máscara,
Estava pegada à cara.

(Se eu casasse com a filha da minha lavadeira
Talvez fosse feliz.)
Visto isto, levanto-me da cadeira. Vou à janela.
O homem saiu da Tabacaria (metendo troco na algibeira das calças?).
Ah, conheço-o; é o Esteves sem metafísica.
(O Dono da Tabacaria chegou à porta.)
Como por um instinto divino o Esteves voltou-se e viu-me.
Acenou-me adeus, gritei-lhe Adeus ó Esteves!, e o universo
Reconstruiu-se-me sem ideal nem esperança, e o Dono da Tabacaria sorriu.”


Álvaro de Campos, 15-1-1928

22 de maio de 2016

CARIDADE É



CARIDADE É:
- Dar bom dia, boa tarde, um TUDO BEM COM VC (dito de forma interessada, amistosa, não FORMAL), é dar um pão diretamente a quem pediu, é dizer "MUITO OBRIGADA" e às vezes, só o fato de não atrapalhar a vida dos outros com fofocas já seria um grande feito.
Ficar pagando de sábio no Facebook, se passando por grande conhecedor dos mistérios da criação e do Universo, sem passar esse conhecimento adiante, pagando de KID BENGALA que pertence aos grupos que só OS ESCOLHIDOS FORAM ELEITOS, é -S-O-B-E-R-B-A- disfarçada de MODÉSTIA.


Ajudar ENTIDADES RELIGIOSAS, FILANTRÓPICAS, ESPIRITUALISTAS A ARRECADAR FUNDOS, NÃO É CARIDADE.
É mais uma tentativa de enganar aos outros e a si mesmo que se pratica o bem.

Ao final de tudo, dentro dessas instituições sempre haverá quem se beneficia de forma material e social levando MÉRITOS por meios ESCUSOS e em muitos casos, não repassam a verba a quem realmente precisa, cansei de ver isso.

CARIDADE É ESTENDER A MÃO DIRETAMENTE A QUEM PRECISA.

De conversa fiada, o mundo já está cheio.
Pois se quem está mais próximo dessas pessoas quando precisam de ajuda, são cravejados de "NÃOS" ou desculpas esfarrapadas.

O BOM MESMO É OLHAR AO REDOR, DE QUEM ESTÁ MAIS PRÓXIMO DE VOCÊ. Pois se a estes não ajudas quando necessário, toda a PROPAGANDA QUE FAZ DE TI MESMO NAS REDES SOCIAIS, de nada têm valor.

AJUDE! MAS COMECE POR QUEM ESTÁ MAIS PRÓXIMO DE TI E POR NÃO PODER FAZER PROPAGANDA DESSA CARIDADE, MUITOS NEGAM DE REALIZÁ-LA.

O mais sábio, é aquele que luta constantemente com sua CEGUEIRA,
Iluminar-se é poder ver com clareza aonde mora a cegueira.
Buscar merecimentos e aplausos são duas espécies dela.


COVARDES


Os covardes morrem várias vezes antes da sua morte, mas o homem corajoso experimenta a morte apenas uma vez.

William Shakespeare

19 de maio de 2016

EXPERIÊNCIA MÍSTICA


"A pessoa que teve uma experiência mística sabe que toda tentativa de expressá-la simbolicamente é imperfeita. Os símbolos não traduzem a experiência, apenas a sugerem. Se você não teve a experiência, como saber de que se trata? Tente explicar o prazer de esquiar a alguém que viva nos trópicos e nunca viu neve. E necessário que haja experiência para apreender a mensagem, alguma pista – do contrário você não ouve o que lhe estão dizendo." 


Joseph Campbell - O Poder do Mito


.

EMBRIAGUÊS


“Embriaga-te sem cessar! Com vinho, com poesia e com virtude.”

(Charles Pierre Baudelaire)





.

18 de maio de 2016

MAQUIAVEL


Tendo o príncipe necessidade de saber usar bem a natureza do animal, deve escolher a raposa e o leão, pois o leão não sabe se defender das armadilhas e a raposa não sabe se defender da força bruta dos lobos. Portanto é preciso ser raposa, para conhecer as armadilhas e leão, para aterrorizar os lobos.

Maquiavel