TUTORIAIS PARA USAR PARTICIPAR DESTE BLOG

9 de abril de 2016

PAIXÃO, VIDA E FANTASIA -- O QUE É REAL ?


Paixão, Vida e Fantasia — o que é real?

Na verdade somos frequentemente tentados a acreditar que toda essa vida não é uma criação da sensibilidade, nem um caprichoso jogo insubstancial ou uma invenção enganadora, mas uma autêntica realidade, uma coisa que existe realmente, algo de real e de palpável. Pois diga-me: por que será que nos instantes dessa vida irreal chegamos a conter a respiração? Por quê? Qual o motivo por que o nosso pulso bate mais depressa, as lágrimas afluem nos olhos, as faces ficam afogueadas e todo o seu ser parece dilatar-se num prazer arrebatador? [...] É assim que nós nos iludimos e, como estranhos, julgamos involuntariamente que uma paixão verdadeira, física, comove a nossa alma. Involuntariamente acreditamos que nos nossos sonhos incorpóreos há de qualquer coisa de vivo e de palpável. Mas que ilusão! Suponhamos, por exemplo, que no peito do sonhador despertou o amor com toda a sua dor inesgotável... Basta que olhemos para ele para ficarmos convencidos da realidade do seu sentimento. Ao vê-lo assim, poderá acreditar que ele nem sequer conhece aquela que ama nesses seus sonhos encantados? Viu-a ele alguma vez que não fosse as obcecantes visões de sua fantasia? E fez ele outra coisa que não fosse... sonhar com essa paixão?


— Dostoiévski, in "Noites Brancas"
Ilustração de Bernardino Mei.
Postar um comentário