TUTORIAIS PARA USAR PARTICIPAR DESTE BLOG

23 de agosto de 2014

CARIDADE



"No final, certas coisas, são apenas certas coisas porque envolve dinheiro e a caridade que as pessoas pensam estar fazendo, para beneficiar-se em vanglórias em cima da inocência alheia, não pelo amor em si.
Uma cambada de filhos das putas pensando ser alguma merda.
A caridade não deve ser dirigida somente a um grupo que está na cara que precisa dela, tem que ser de igual teor para qualquer necessidade, independente de gostar ou não do beneficiado.
A caridade, é o amor manifestado que se faz automática no momento que ela for necessária, mesmo que o caridoso tiver diferenças com o agraciado pela sua caridade, caso contrário, é tudo falso, superficial, nojento, asqueroso.
Muitas vezes, dar esmolas não é a caridade em si e sim seu subconsciente dizendo:
- Antes você do que eu!"
(Val Qic)


"A caridade não deve ser um bem em exposição e sim um ato discreto de amor"
(Autor desconhecido)
Postar um comentário